A comitiva pretende que seja vedado qualquer ato administrativo relativo à cessação dos serviços na forma e horários hoje prestados à população.

O deputado João Paulo Rillo e o vereador Marco Rillo apresentaram, no último dia 30/1, representação ao Ministério Público de São José do Rio Preto contra o fechamento da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Santo Antônio.

Eles estavam acompanhados da conselheira local de Saúde Maria Eunice Silva, da suplente do Conselho Local de Saúde e integrante do Conselho Municipal de Saúde, Rebeca Cortez de Freitas, do conselheiro local de Saúde, Luiz Carlos Medice, e da presidente da Associação de Moradores do Alto das Andorinhas (Amaa) Madalena Montovan.

A comitiva pretende que seja vedado qualquer ato administrativo relativo à cessação dos serviços na forma e horários hoje prestados à população.

Com os documentos, foi apresentado um abaixo-assinado com mais de 1600 assinaturas contra o fechamento da unidade.

“O atendimento 24 horas da UPA do Santo Antônio foi uma conquista social que precisa ser mantida. É uma região populosa, mais dependente das ações do Poder Público e localizada distante dos principais equipamentos de saúde do município”, argumentou o deputado.

Fonte