OAB diz que críticas da Anistia Internacional ao Brasil são muito fortes

BRASÍLIA – O presidente do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Ophir Cavalcante, considerou fortes demais as declarações do porta-voz da Anistia Internacional, Tim Cahill sobre a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que, na prática, não permitiu a punição de quem torturou ou cometeu outros tipos de crimes contra os direitos humanos durante o período da ditadura.

Ophir Cavalcante disse que não concorda com a decisão do Supremo, mas acha que o Brasil tem que ser respeitado pelo caminho que decidiu tomar:

Dizer que a decisão representa uma mancha moral pra o Brasil é muito forte.

Segundo ele, o desrespeito aos direitos humanos não se verifica apenas no Brasil, que também não é o maior violador de direitos humanos do mundo…

Continue Lendo: OAB diz que críticas da Anistia Internacional ao Brasil são muito fortes

Tags:

Esta entrada foi postada em sexta-feira, 28 Maio, 2010 as 10:08 e está arquivada em Informações Jurídicas. Você pode acompanhar quaisquer respostas a está entrada através do RSS 2.0 feed. Você pode deixar uma resposta, ou trackback a partir do seu próprio site.